sábado, 8 de março de 2014

Meu amigo bêbado, e sua querida ponte. (Repostado do Mim)

ACHO QUE EU ENTREI NO PERSONAGEM POR ISSO EU ESCREVI O TEXO EM PRIMEIRA PESSOA.
Imagine você começar o seu dia encontrando um bêbado..., é a sensação é muito ruim, ainda mais se o bêbado é algum conhecido seu, ou melhor, seu melhor amigo... Estranho…
   Depois de um dia conturbado, cheio de grandes emoções e nenhuma boa notícia, todos estavam desesperados por não saber onde ele estava, já passava das cinco da madrugada do dia seguinte e ninguém se quer tinha ouvido falar da sombra dele, procuram por todos os cantos, becos e vielas, mas nada de encontrá-lo então por fim não restou-lhes alternativa a não serem me ligar, simplesmente me ligar, as tantas da madrugada, esperei o sol aparecer e fui à procura dessa criatura, mas sabe como é né? Existe um velho ditado que diz que quanto mais se reza mais assombração aparece, então enquanto caminhava sobre a ponte da ‘’Rua dos Anjos’’ uma voz escondida na neblina me fala ‘’oi’’, não me restou alternativa a não ser gritar e pular para trás afinal quem me chamaria tal hora.
   Mas quando fixei meus olhos na tal figura sobre a neblina, não tive dúvida era ele, aquela criatura descompensada que me fez sair da cama àquela hora.
‘’E ai, o que você tá fazendo aqui?’’
   Ele meio perturbado e sobre efeito de muitos goles de agua que passarinho não bebe me responde ‘’vim conversar amigavelmente com o mar, ele me ouve bem, (ele olha para baixo e fica meio enjoado e continua a falar), no momento acho que ele tá meio zangado.
   Bem naquele instante eu sabia que o gatinho tinha batizado o leite e pior que o gatinho estava querendo brincar com á agua. ‘’Você está de palhaçada com a minha cara, só pode, como assim, conversando com o mar? Se não estivesse sentado ai eu ia te dar um tapa tão forte que você ia parar no continente asiático ok?’’ Não houve resposta da parte dele, sabe quando as pessoas bebem de mais ou ficam alegres ou ficam depressivas, ou então começam alegres e terminam deprimidas ou vice-versa. ‘’O que você tá pretendendo? Você bebeu de mais pra ter coragem de fazer algo que não faria se estivesse sóbrio, pare de encarar o mar com esses olhos verdes, porque sinceramente não acho que se você se jogar vai encontrar o que esta procurando, além disso, ela era muito corajosa e lutou até o fim e você…, você tá sendo um covarde encheu a cara, para fazer algo que não faria, desistiu de viver sem nem tentar viver, desistiu de você, e sabe o que mais se quiser pular, pule, mais fique sabendo que você provavelmente não vai pro mesmo lugar que ela. ’’ Eu o olhei firmemente em seus olhos e falei novamente ‘’pula’’ então ele aproximou sua mão de seu bolso e por um instante eu realmente achei que ele fosse pular, mas ele apenas pegou um rosa e deixou cair sobre as aguas, ele se virou e  simplesmente me abraçou me disse adeus começou a chorar escorregou na grade e caiu, e eu simplesmente pulei atrás dele, me desesperei ao perceber que não o encontrava, mas quando ia desistir eu o encontrei entre as pedras, então o arrastei até a margem do rio o reanimei e ele sussurrou em meus ouvidos, juro que se ele brigasse comigo por o ter salvo naquele instante o jogaria de volta naquela água, mas eu o deixei falar e ele falou, ‘’você falou para eu pular e me salvou, não entendi’’ , ‘’você caiu e não pulou’’ então ele me olhou com a cara mais lavada do mundo e me falou ‘’que bom não ia pular mesmo, eu sou um covarde’’, ‘’ninguém te merece’’,
‘’obrigado, obrigado de verdade por salvar a minha vida e ter tentado me impedir, eu não sei se ia pular, se ia ter a coragem para fazer tal ato, eu só sei que naquele instante em que eu cai, eu cheguei a gostar, mas quando você me salvou, foi como se alguma coisa me falasse que eu tinha que sobreviver por mim e por todos que me amam’’ então nós nos abraçamos e fomos para casa.
Repostado e escrito por mim no meu outro blog (http://jujumeumundo.blogspot.com.br/2012/02/meu-amigo-bebado-e-sua-querida-ponte.html)

Nenhum comentário:

Postar um comentário