sábado, 31 de maio de 2014

Explosão de sentimentos

  Me desculpa se não ouvi seus soluços, de verdade, sou meio surda, mas eu já estou aqui e nada vai conseguir me afastar, ou melhor afastar-me de seus lábios. Agora que já cheguei fico pensando em como senti saudade do seu riso no meu riso, e nós dois embriagados pelo mesmo copo de cerveja, senti saudade de nossos corpos juntos, tão juntos que parecia um corpo único, me pergunto quanto tempo faz desda última vez que estivemos assim? Talvez um dia, uma semana ou um ano, não importa más, afinal não posso mais ficar nem um minuto sem seus lábios calados aos meus, peço passagem para minha língua invadir sua boca tão repleta por sua ternura, peço permissão para minhas mãos trafegarem por entre teu corpo, peço permissão para roubar seu coração, será que você ainda tá ai, do outro lado dessa porta me esperando entrar, sentindo meu perfume e imaginando porque raios eu voltei, a resposta é simples eu posso ir de um lado ao outro, atravessar a cidade o país o oceano, mas o que eu sinto por você vai continuar a mesma coisa, meus sentimentos estão aqui explodindo por um aperto de abraços, por uma explosão de lábios e um acalento de corações solitários, então pra que mentir e fingir que nós não sentimos mais nada um pelo outro, nenhum de nós dois estaria pensando em uma justificativa para cairmos simultaneamente em nossos braços e abraços, nós somos chuva, somos sol, somos água e somos vinho, somos nosso veneno e somos nossa cura, somos incompatíveis mas isso faz tudo nos faz nosso amor perfeito.
Postado no Meu Inexplicável Mundo 

Nenhum comentário:

Postar um comentário